Aumento e variação no preço do gás de cozinha em João Pessoa, revela pesquisa

Em relação à pesquisa realizada no mês passado, houve um aumento de R$ 2 no menor preço para pagamento à vista. O levantamento do Procon-JP registrou que a maior variação para pagamento à vista está em 11,1%, com média de R$ 94,30. Procon Municipal aponta diferença de R$ 13 entre o menor preço (R$ 90 à vista) e o maior (R$ 103 no cartão)

O consumidor de João Pessoa deve ficar atento às oscilações nos preços do gás de cozinha. Pesquisa realizada nessa segunda-feira (9) pelo Procon Municipal mostra uma diferença de R$ 13 entre o menor preço (R$ 90 à vista) e o maior (R$ 103 no cartão). Veja o levantamento na íntegra e saiba onde comprar mais barato.

Em relação à pesquisa realizada no mês passado, houve um aumento de R$ 2 no menor preço para pagamento à vista. O levantamento do Procon-JP registrou que a maior variação para pagamento à vista está em 11,1%, com média de R$ 94,30.

Já a variação para pagamento no cartão de crédito foi encontrada a 11%, com média registrada em R$ 97,43. Para pagamento no cartão de crédito, a pesquisa do Procon-JP encontrou os mesmos preços praticados no início de julho passado, com o menor estabilizado em R$ 92 e o maior em R$ 103.

Estabelecimentos consultados na pesquisa

  • Depósito Pecorelli (Jaguaribe)
  • Arlete Gás (Manaíra)
  • Zé do Gás (Ilha do Bispo)
  • Casa do Gás (Treze de Maio)
  • Depósito D’Almir (Bairro dos Estados)
  • Britos Distribuidora (Expedicionários)
  • Mercadinho Pedro Gondim (Pedro Gondim)
  • SOS Gás (Torre)
  • Beto Gás (Monsenhor Magno/Valentina)
  • Gravatá Gás (Valentina I/Boa Esperança)
  • Vando Gás e Água (Mangabeira)
  • Isaquiel Gás (Miramar)
  • Ricardo Gás (Jaguaribe)
  • ADM Gás e Kiko Gás (Alto do Mateus)
  • Real Gás (Bancários)
  • Nunes Gás (Bancários)
  • Bancários Gás (Bancários)
  • Gabriel Gás  (Bancários)
  • Log Gás (Geisel)
  • Josimar Gás (Cristo)
  • Roberto Gás (Esplanada)
  • Pablo Gás (Valentina)

Deixe um comentário...