Galvão critica seleção brasileira por não usar agasalho: ‘Lamentável’

“Enaltecer a conquista do bi olímpico ontem mas lamentar a atitude tomada. Eu gostaria de saber de onde partiu a decisão de não usar o uniforme inteiro do Comitê Olímpico, amarrar na cintura, e usar a camisa do time da CBF. Profundamente lamentável a atitude, não sei de quem partiu isso, vou seguir buscando quem seria o responsável. Fratus disse que foram inconsequentes, ele está certo, eles podem prejudicar muito a sequência dessas pessoas, desses atletas, que precisam muito desse amparo de patrocínio. Brilhante a conquista, fantástica a conquista do futebol, lamentável atitude de não usar o uniforme, seria obrigatório usar para receber a medalha de ouro”, finalizou

Na cerimônia de encerramento das Olimpíadas, Galvão Bueno criticou o posicionamento dos atletas da seleção brasileira de futebol que subiram no pódio para receber a medalha de ouro sem o agasalho definido, que é obrigatório. Após a conquista por 2 a 1 contra a Espanha, os jogadores foram buscar a medalha com o agasalho do COB amarrado na cintura, e não como todos os outros atletas que seguiram a obrigatoriedade e vestiram durante a cerimônia de premiação.

“Enaltecer a conquista do bi olímpico ontem mas lamentar a atitude tomada. Eu gostaria de saber de onde partiu a decisão de não usar o uniforme inteiro do Comitê Olímpico, amarrar na cintura, e usar a camisa do time da CBF. Profundamente lamentável a atitude, não sei de quem partiu isso, vou seguir buscando quem seria o responsável. Fratus disse que foram inconsequentes, ele está certo, eles podem prejudicar muito a sequência dessas pessoas, desses atletas, que precisam muito desse amparo de patrocínio. Brilhante a conquista, fantástica a conquista do futebol, lamentável atitude de não usar o uniforme, seria obrigatório usar para receber a medalha de ouro”, finalizou

Deixe um comentário...