Israelenses e cidadãos com dupla nacionalidade residentes no Brasil estão sendo convocados para a guerra

0

10 de outubro de 2023 - Imagem aérea mostra Faixa de Gaza após ataques de Israel — Foto: REUTERS/Mohammed Salem

Por Juliana Braga e Fernanda Galvão

Israelenses e cidadãos com dupla nacionalidade residentes no Brasil e que sejam da ativa ou reservistas do Exército estão sendo convocados para lutar na guerra em Israel.

A Embaixada confirmou a informação, mas não soube precisar o número de pessoas já convocadas. Segundo as informações prestadas pela assessoria de imprensa, as convocações estão chegando por e-mail com um documento que dá direito a embarcar em um dos voos partindo para Israel.

Eles ressaltam ainda que não há necessidade de voluntários e que somente aqueles com vínculo com o Exército precisam se apresentar. Quem mora no Brasil e porventura não tenha dado baixa, pode apresentar os documentos solicitando a dispensa.

Por enquanto, a Embaixada confirmou a saída de um avião de Lima, no Peru, às 20h no horário local da terça-feira (10). Os convocados no Brasil, portanto, tiveram de se deslocar até lá.

Foi publicado nas redes sociais da embaixada israelense um comunicado em hebraico sobre o voo. De acordo com a publicação, as embaixadas israelenses nos Estados Unidos, América Latina e União das Federações Judaica decidiram financiar um avião de Lima para Israel para os cidadãos israelenses na América Latina que foram convocados.

Na postagem, havia um link para os convocados se registrarem no voo.

Esta reportagem conversou com um dos convocados, que não quis se identificar. No e-mail que ele recebeu há orientações sobre acesso pela Europa, a princípio pela Itália, Alemanha e Turquia. Na mensagem, ressalta-se que servir é obrigatório.

Há instruções também para evitar deslocamentos em grandes grupos. Segundo esse convocado que não quis se identificar, diversas pessoas estão indo mesmo em voos comerciais.

Ele pretende embarcar até a próxima semana, entrando pela Itália. “Eu sinto muita tristeza pelo que está acontecendo, mas seres humanos de todas as idades estão morrendo”, diz “Eu não tô deixando a raiva agir, porque há seres humanos do outro lado que estão morrendo também. Infelizmente o terrorismo do Hamas precisa ser contido com mão de ferro”, completa.

About Author

Deixe um comentário...