Lula compra tapetes de sisal por R$ 71 mil para Planalto e Alvorada

0

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva - Pedro Ladeira - 28 mar. 2024/Folhapress

O presidente Lula vai comprar 10 tapetes de sisal, em fibra natural, para as áreas de circulação e cerimônias nos palácios do Planalto e da Alvorada, onde fica a residência oficial. A aquisição vai custar R$ 71,3 mil, de acordo com o edital de licitação.

Entre as exigências, o edital estabelece que os tapetes sejam feitos em trama NJ, com bordas Lona Less ou Chenille, isto é, com bordado atoalhado, esponja ou ponto alto. As peças devem ser antiderrapantes com cores polar, caramelo e mel claro.

O estudo técnico elaborado para a compra dos tapetes argumenta que a escolha do sisal como matéria-prima dos tapetes presidenciais se deve à preocupação ambiental e à capacidade de isolamento acústico do material.

“Essa escolha se fundamentou nas vantagens que esse material proporciona para a natureza quando comparado à fibra sintética, pois são biodegradáveis. Além disso, proporciona uma ótima capacidade de isolamento acústico. Como os fios são mais densos, eles absorvem melhor o som no ambiente”, diz o estudo, que traz imagens específicas das fibras e cores esperadas de cada produto.

Nenhuma marca de referência ou fabricante foi indicado pelo órgão na elaboração do edital. No entanto, foi exigido um critério da “brasilidade” nos temas dos tapetes, usando-se como “inspiração” o painel de Burle Marx instalado no Palácio do Planalto.

“Considerando a pesquisa sobre as tipologias de materiais utilizados na produção de tapetes brasileiros, bem como sobre os locais e meios originários de fabricação das peças de tapeçaria no país, ficou decidido pela composição de uma referência visual de brasilidade com ênfase na valorização do trabalho artesanal, assim adotou o desenho autoral inspirado no painel do Burle Marx para promover integração visual entre os espaços de circulação pública do Palácio do Planalto”, afirma o estudo técnico.

Apenas dois tapetes previstos no edital têm tamanhos iguais, em 4,92 metros de largura por 7,27 metros de comprimento. Além deles, serão adquiridos um tapete de 6,95m por 13,40m, um de 4,00m por 6,00m, um de 3,00m por 4,00, um de 8,60m por 11,70m , um de 1,50m por 2,00m, um de 2,00m por 3,00m, outro de 3,55m por 4,70m e um tapete redondo de 5m de diâmetro.

A compra está sendo feita pela Secretaria de Administração da Casa Civil da Presidência, a pedido da Diretoria Curatorial de Palácios Presidenciais.

Em novembro, Lula renovou o enxoval de cama e banho do Palácio da Alvorada e da Granja do Torto por R$ 89 mil. Foram compradas 168 peças, entre colchas, lençóis, fronhas, edredons, cobre-leitos, tapetes e roupões. Nessa caso, o padrão exigido foi de “primeira linha, referência Zelo, MMartan, similar ou melhor qualidade”. A relação incluiu 10 tipos de colchas de cama, sendo 31 delas “100% algodão egípcio”. Só com as colchas, o gasto foi de R$ 48,7 mil.

About Author

Deixe um comentário...