Presidente do Senado: “Não admitiremos qualquer ruptura institucional”

O presidente do Senado disse não ver risco de ruptura institucional por parte dos militares

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, cancelou a participação em um evento na Áustria para monitorar em Brasília as manifestações bolsonaristas de 7 de setembro, diz O Globo.

Em entrevista ao jornal carioca, Pacheco foi questionado se ele vê risco de ruptura institucional por parte dos militares e sobre a percepção dos encontros do parlamentar com integrantes das Forças Armadas.

São instituições maduras, com um patriotismo muito forte e com obediência absoluta ao estado democrático de direito”, respondeu.

Nesta semana, estarei no comando da Aeronáutica novamente para conversar com os brigadeiros, a convite do Alto Comando da Aeronáutica. Tenho mantido esse contato constante com essas instituições e vejo nelas uma obrigação de defesa do Brasil. Nós não admitiremos qualquer retrocesso e tenho certeza que também esse será o papel das Forças Armadas.”

Fabiana Maluf

Deixe um comentário...