Rifle que Dino atribuiu como ameaça a Lula é de mentira

Flávio Dino. Foto: EFE/ Andre Borges

Por Marcos Melo

O futuro ministro da Justiça e Segurança Pública, Flávio Dino, chegou a declarar no Twitter que a ação da Polícia Federal (PF) abortou mais uma ameaça de atentado contra o presidente eleito, Lula (PT), na cerimônia de posse que ocorrerá neste domingo (1°). Acontece que a arma era apenas de pressão por ar comprimido.

O dono da “arma” disse, na sede da PF em Caruaru (PE), que fez o vídeo por mera brincadeira e que não tinha nenhuma intenção em publicá-lo, mas acabou postando sem querer nos seus stories do WhatsApp. Ele declarou que não teve intenção em promover nenhuma ameaça a Lula.

O investigado também levou à PF uma pistola calibre 9mm, registrada como CAC no Exército. Ambas foram apreendidas para que seja instaurado um inquérito policial para apurar os pormenores. Ele pode responder pelos crimes de ameaça e incitação ao crime.

 

Deixe um comentário...