Adeus ao Rei: réplica da casa onde Pelé nasceu recebe dezenas de turistas

0

Réplica da casa onde Pelé nasceu. Foto: Reprodução

A réplica da casa onde Pelé viveu os primeiros anos de sua vida ficou tomada, o dia todo, por centenas de turistas. Dona Lindinalva viajava com 10 familiares. Eles saíram de São Paulo e seguiam para Sergipe, mas mudaram a rota só para passar na casa do Rei.

“Ficamos com vontade de conhecer a casa do nosso Rei. Foi surpreendente, porque nós não imaginávamos que ele fosse de origem assim tão humilde”, conta a aposentada.

O Jorge é primo de Pelé, e lembra com carinho do parente famoso:  “Toda vez que ele aparecia: ‘eu só aguento isso, porque sou de Três Corações’. Ele nunca negou, toda vida, ele falou que era de Três Corações. A família inteira está muito sentida. A gente está aqui com o coração na mão”.

Pelé viveu na casa com a família e os avós até os 3 anos de idade. A réplica do imóvel, que fica no mesmo endereço da casa original, foi inaugurada em 2012, com a presença do próprio ex-jogador. Por lá, tudo chama a atenção, mas um dos quartos é especial. Foi lá que o Rei do futebol nasceu. O berço mostra a simplicidade dos primeiros anos da vida do craque.

Da cidade mineira, Pelé se mudou para Bauru com o pai, que também era jogador de futebol. Foi lá que ele começou a carreira, no Bauru Atlético Clube.

O curta-metragem “Uma História de Futebol”, do diretor Paulo Machline, lançado em 1998, mostra um jogo do menino ‘Dico’, como Pelé era chamado na infância. O filme é narrado pelo ator Antônio Fagundes, que conta as lembranças do garoto Zuza, melhor amigo de Dico.

Entre um lance e outro, Dico marca um gol e perde outro, igual ao lande do Rei do futebol contra o Uruguai, na Copa de 70. Entre milhares de chutes, erros e tentativas do menino Dico, nasceu o Rei do futebol.

About Author

Deixe um comentário...