Em viagem à Argentina, Lula diz que relação do Brasil com o vizinho ‘não deveria ter sido truncada’

Luiz Inácio Lula da Silva. Foto: Joédson Alves/EFE/EFEVISUAL

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse na segunda-feira (23), durante visita a Buenos Aires, que as relações entre Brasil e Argentina “nunca deveriam ter sido truncadas”.

Em declaração à imprensa ao lado do colega argentino Alberto Fernández, Lula pediu desculpas ao povo argentino por “grosserias” feitas pelo ex-presidente Jair Bolsonaro.

A visita à Argentina é o primeiro compromisso internacional de Lula desde que voltou à presidência.

“Hoje é a retomada de uma relação que nunca deveria ter sido truncada. A minha presença como primeira viagem feita depois da minha eleição a um país estrangeiro é para dizer ao meu amigo Alberto Fernández que nós vamos reconstruir aquela relação de paz, produtiva, avançada, de dois países que nasceram para crescer, se desenvolver e gerar melhores condições de vida para os seus povos”, disse Lula.

“Estou pedindo desculpas por todas as grosserias que o último presidente do Brasil, que eu trato como um genocida por causa da responsabilidade com o cuidado com a pandemia, todas as ofensas que fez ao Fernández”, completou o presidente Brasileiro.

O relacionamento entre Brasil e Argentina ficou estremecido durante o governo de Jair Bolsonaro em razão de diferenças, sobretudo, ideológicas. Durante seu mandato, Bolsonaro criticava a condução política do governo argentino após a eleição de Alberto Fernández, um político de esquerda.

Em outubro de 2020, por exemplo, Bolsonaro chamou o governo argentino de Fernández de “esquerdalha”.

À tarde, a agenda presidencial prevê encontro com empresários. À noite, o presidente deve ir a um concerto musical com artistas argentinos e brasileiros no Centro Cultural Kirchner.

Lula desembarcou na Argentina, no domingo (22). Em uma rede social, ele afirmou: “Vamos retomar laços. O Brasil está voltando ao cenário internacional e atuará pelo fortalecimento do Mercosul”.

Deixe um comentário...