‘Fui humilhada’, diz Suzi Sassaki ao denunciar diretor da Playboy por abuso

Ela, que já trabalhou no SBT, Band e RedeTV, disse em entrevista ao podcast “Fama Pop”, que André Sanseverino, publisher da…leia detalhes…

Suzi Sassaki, modelo e atriz, fez uma denuncia contra o diretor da Playboy por assédio sexual durante sua negociação com a revista em 2017.

Ela, que já trabalhou no SBT, Band e RedeTV, disse em entrevista ao podcast “Fama Pop”, que André Sanseverino, publisher da Playboy na época, se aproveitou da conexão profissional com Suzi para pedir nudes, “Ele me pedia fotos sensuais, me pedia para fazer videochamada, eu fui assediada por ele. Não era nada profissional”, disse a modelo.

“Eu cheguei a mandar nudes para ele e só depois me toquei que ele estava me usando e me abusando sexualmente. Eu não tinha essa malícia, era tudo novo para mim. Ele fez vários convites para sair comigo em troca de uma capa na revista. Mas nunca rolou nada, não chegamos a nos encontrar”, continuou Suzi.

Ela ficou traumatizada com o acontecimento. “Cheguei a negar o convite da [revista] Sexy porque eu fiquei muito mal com todo o assédio da Playboy. Queria distância de tudo aquilo, fiquei horrorizada de verdade. Me senti usada e humilhada. Acabei indo para os Estados Unidos tentar novos projetos”, completou. André nega as acusações, porém foi afastado da Playboy Brasil em 2017 após 9 modelos o processarem por assédio sexual.

Postado por Mary Simon

Deixe um comentário...