Pela 1ª vez, lista sêxtupla da OAB-PB para vaga de desembargador do TJPB terá paridade de gênero

0

Harrison Targino, presidente da OAB-PB — Foto: OAB-PB/Divulgação

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Paraíba (OAB-PB), Harrison Targino, e a Comissão Eleitoral formada para organizar as eleições do Quinto Constitucional convocaram a imprensa paraibana para apresentar, na terça-feira (9), os trâmites do processo eleitoral para formação da lista sêxtupla para vaga de desembargador destinada à advocacia no Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB).

Pela primeira vez na história, a lista terá paridade de gênero, ou seja, três homens e três mulheres estarão na disputa. A eleição está marcada para acontecer no dia 18 de setembro e os advogados podem se inscrever até o próximo dia 21 de julho. Serão aceitas inscrições de profissionais que tenham, pelo menos, 10 anos de inscrição na Ordem.

“Nós formaremos uma lista de seis nomes, denominada lista sextupla da advocacia, que pela primeira vez na história será paritária, o que significa dizer, três homens e três mulheres, de modo a garantir equidade de gênero e participação de todos. É fundamental que toda advogada e todo adovgado participe desse processo”, declarou Harrison Targino.

Segundo o presidente da OAB-PB, os tribunais são majoritariamente masculinos e por isso há a necessidade de levantar a bandeira da equidade de gênero. Para ele, a medida é uma conquista para a advocacia paraibana, pois proporciona uma disputa mais justa e incentiva a participação feminina na política e nos espaços de poder.

“É uma vitória imensa de um movimento humanitário, de luta das mulheres. Eu fico muito feliz de ter proposto que pela primeira vez nós possamos eleger uma lista que tenha três homens e três mulheres, permitindo que as mulheres, que já se tornam a maioria da advocacia, tenham respeitado seu espaço e seu momento nas estruturas de poder”, acrescentou.

About Author

Deixe um comentário...