Ucrânia se une a Espanha e Portugal como sede da Copa do Mundo de 2030

Foto: Kristian Skeie - UEFA/UEFA via Getty Images

Por Gabriel Aurélio

Na quarta-feira (5/10), a Ucrânia oficializou sua inclusão a Portugal e Espanha na candidatura para ser sede da Copa do Mundo de 2030. O anunciou ocorreu em coletiva na sede da Uefa, em Nyon, na Suíça.

“É uma honra anunciar que Portugal e Espanha incorporaram a Ucrânia na candidatura conjunta à Copa do Mundo de 2030. As duas federações comunicaram a sua intenção à Uefa, que manifestou o seu total apoio. Tem significado especial fazer este anúncio na casa do futebol europeu. O futebol é muito mais do que futebol”, disse Fernando Gomes, mandatário da Federação portuguesa.

“A candidatura fortalece os laços com a Europa ao gerar esperança e fornecer ferramentas de reconstrução ao povo ucraniano, que expressou seu orgulho e gratidão por participar deste projeto”, disse Luis Rubiales, presidente da Federação da Espanha.

Vale lembrar que o anuncio oficial da sede da Copa do Mundo de 2030 irá ocorrer apenas no 74º Congresso da Fifa, em 2024. Além dos países do Velho Continente, a América do Sul também estava sendo falada como possível sede. No entanto, Aleksander Ceferin, presidente da Uefa, não confirmou.

“Tenho a certeza que vamos ter o Mundial de 2030 em Espanha e Portugal”, afirmou o dirigente, durante palestra na abertura do Football Talks, evento organizado na sede da Federação Portuguesa de Futebol, em Lisboa.

Deixe um comentário...