Produção Hidropônica é implantada em penitenciária paraibana; saiba mais

1

Produção Hidropônica é implantada em penitenciária paraibana; saiba mais (Foto: SEAP)

No dia 16 de julho, a partir das 10h, o Presídio Regional de Sapé, localizado no Brejo paraibano, celebrará a inauguração da implantação da Produção Hidropônica do ‘Projeto Hortas para a Liberdade’. A cerimônia marca um importante passo no desenvolvimento deste projeto voltado para a educação profissionalizante e a ressocialização de pessoas privadas de liberdade.

evento é fruto de uma parceria entre a Vara de Execução Penal (VEP) da Comarca e a Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Seap), por meio da Gerência Executiva de Ressocialização. O projeto visa proporcionar aos reeducandos uma oportunidade de aprendizado e desenvolvimento de habilidades práticas e úteis para sua reintegração social.

A cerimônia contará com a presença de representantes do Poder Judiciário Estadual, incluindo o juiz auxiliar da Vice-presidência do Tribunal de Justiça da Paraíba, Ely Jorge Trindade, e o juiz titular da VEP de Sapé, Anderley Ferreira Marques.

juiz Ely Jorge Trindade destacou que o projeto reflete a filosofia da recuperação prevista na Execução Penal, ao oferecer aos reeducandos uma atividade que exige criatividade, disciplina e conhecimento. Ele ressaltou a importância do projeto não apenas para o desenvolvimento pessoal dos reeducandos, mas também como um benefício para a economia do município e da região.

“Habilidades necessárias e úteis à socialização pretendida. Além disso, se caracteriza também como uma atividade produtiva, que traz um incremento e um benefício para a economia do município e região. Merece todo o nosso reconhecimento o trabalho desenvolvido pelo Poder Judiciário e a Administração Penitenciária”, afirmou o juiz Trindade.

juiz Anderley Marques também comentou sobre a significância do projeto. Para ele, a inauguração representa um momento de celebração e um exemplo de como iniciativas na área da Execução Penal podem ser eficazes e inovadoras. Marques sublinhou as dificuldades enfrentadas na área da Execução Penal e destacou que o ‘Hortas para a Liberdade’ demonstra que é possível implementar projetos de ressocialização com poucos recursos e espaço reduzido.

“Ficámos muito felizes pelo resultado do projeto, que além de ser realmente revolucionário, sabemos que tem um impacto positivo em toda esta cadeia. O Judiciário recebe muitos projetos voltados à ressocialização, e uma iniciativa como esta, que não requer muitos recursos, aproveita pouco espaço de uma unidade prisional, assegura o trabalho e o retorno de um alimento com qualidade, é motivo de felicidade”, exaltou o juiz Anderley Marques.

produção hidropônica do projeto visa cultivar hortaliças e vegetais, proporcionando aos reeducandos uma atividade prática que contribui para sua formação profissional e ressocialização. O evento de inauguração será uma oportunidade para reconhecer o sucesso do projeto e reforçar o compromisso com a recuperação dos indivíduos em cumprimento de pena.

About Author

1 thought on “Produção Hidropônica é implantada em penitenciária paraibana; saiba mais

  1. What i do not realize is in fact how you are no longer actually much more wellfavored than you might be right now Youre very intelligent You recognize thus considerably in relation to this topic made me in my view believe it from numerous numerous angles Its like men and women are not fascinated until it is one thing to do with Lady gaga Your own stuffs excellent All the time handle it up

Deixe um comentário...