Menina de 4 anos morre afogada em piscina na Paraíba

0

Menina de 4 anos morre afogada em piscina na Paraíba

O município de Cacimba de Dentro, na região do Curimataú paraibano, vivenciou uma tragédia no domingo (7) com o falecimento de Maria Alice Franco Martins, uma menina de apenas quatro anos, vítima de um afogamento em uma piscina.

A tragédia foi confirmada em nota oficial pela secretaria de educação, que informou que o velório de Maria Alice aconteceu no local onde o pai da menina reside, no sítio Lagoa de Pedra. O cortejo para o sepultamento seguiu na tarde deste domingo até o Cemitério São Francisco de Assis, onde a menina foi enterrada.

Escola Municipal de Ensino Infantil Manoel Bevenuto, onde Maria Alice estudava, expressou suas condolências à família e aos amigos, lamentando a morte precoce da menina. A instituição educacional também divulgou uma nota de pesar.

Aumento dos Casos de Afogamento de Crianças na Paraíba

A tragédia de Maria Alice ocorre em um contexto preocupante, já que, em menos de dois meses, outras duas crianças paraibanas perderam a vida em casos semelhantes de afogamento.

No dia 19 de maio, em Teixeira, município no sertão da Paraíba, Valentina Félix, de um ano e sete meses, caiu em uma cisterna na casa onde morava. Apesar dos esforços da família e da equipe do SAMU, a criança foi encontrada desacordada e a equipe de socorro confirmou o óbito.

Menos de 10 dias depois, também em Teixeira, Maria Eloá Mendonça, de um ano e oito meses, morreu afogada após cair em um tanque no quintal de casa. A menina foi encontrada sem vida por um primo e, apesar das tentativas de reanimação, chegou sem sinais vitais à unidade de Saúde da Família mais próxima.

Recomendações das Autoridades e Dados de Afogamento

Esses eventos ressaltam a necessidade de atenção redobrada com a segurança das crianças perto de reservatórios de água. Autoridades, especialmente o Corpo de Bombeiros, recomendam que os pais e responsáveis fiquem vigilantes para evitar acidentes semelhantes.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Salvamento Aquático, o Brasil registra uma média de 15 mortes por afogamento por dia, totalizando aproximadamente 5.475 óbitos anuais. A faixa etária mais vulnerável a esses acidentes é a de pessoas com até 29 anos, que representam 45% dos casos de afogamento. Além disso, o levantamento indica que 55% das mortes na faixa etária entre 1 e 9 anos ocorrem em residências. O período do verão de dezembro a março concentra 45% dos casos de mortes de crianças por afogamento.

por t5

About Author

Deixe um comentário...