Para debater “com genocida”, Lula diz que vai à Band neste domingo

Lula. Foto: Fábio Vieira

Por Mariana Costa

O ex-presidente e candidato à presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), afirmou, na manhã da quinta-feira (13/10), que debaterá “com o genocida” no próximo domingo (16/10). O petista enfrentará o atual presidente, Jair Bolsonaro (PL), no debate promovido pela TV Bandeirantes, Band, Folha, UOL e TV Cultura.

“É que eu tô vindo do Rio de Janeiro. Eu fiz dois atos no Rio, vocês viram. Ontem, fizemos a maior caminhada da história de Salvador. Eu saio daqui, vou para Alagoas. De Alagoas vou para Recife e de Recife volto pra São Paulo, para fazer o debate com o genocida”, afirmou Lula.

Veja o vídeo:

Mais cedo, também em comício no Nordeste na quinta-feira, Bolsonaro atacou o petista, que domina em intenções de voto na região.

“Ele vai voltar para a cadeia, sim. Lugar de ladrão é na cadeia. Teve a sua chance de mostrar para o Brasil e para o mundo como seria administrar um país sem corrupção. Optou pelo caminho errado. Não vai ganhar no dia 30 de outubro”, disse.

O discurso foi proferido em frente ao hotel Transamérica Prestige, na avenida Boa Viagem, zona sul de Recife, Pernambuco.

Debates

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o presidente Jair Bolsonaro (PL) devem se enfrentar em pelo menos dois debates antes da disputa do segundo turno, em 30 de outubro. Os presidenciáveis confirmaram presença nos eventos promovidos pela TV Bandeirantes e pela TV Globo, em 16 e 27 de outubro, respectivamente.

Bolsonaro indicou que também deve participar de outros dois debates: um do SBT e outro da Record. Pelas regras dos veículos, caso um dos candidatos não compareça, o outro será entrevistado sobre temas previamente escolhidos.

Durante a corrida eleitoral do primeiro turno, o petista e o atual presidente estiveram frente a frente em, também, duas ocasiões. Ambos participaram do debate realizado pelo Grupo Bandeirantes, em 28 de agosto.

Deixe um comentário...