Pedro defende corte de gastos na estrutura da administação do governo da Paraíba

Pedro Cunha Lima em entrevista da CBN com candidatos ao governo da Paraíba — Foto: Elza Cruz/TV Cabo Branco

Por Laerte Cerqueira e Angelica Nunes

O candidato ao governo da Paraíba, Pedro Cunha Lima (PSDB), disse, em entrevista à rádio CBN nesta sexta-feira (14), que vai diminuir, se eleito, o custo com alugueis de carros no estado em até 20%, bem como cortar custos com telefonia, fazendo com que o próprio secretário pague a conta do seu celular.

Pedro Cunha Lima em entrevista à CBN. Foto: Wellington Faustino/TV Cabo Branco

“Quando eu falo em cortar 20%, eu estou falando em gerar um economia de R$ 40 milhões de reais”, afirmou. Disse ainda: ” se eu como governador não vou pagar celular porque o secretário vai? Na Paraíba, de telefonia o estado gasta R$ 14 milhões de reais “.

Pedro respondia perguntas sobre privilégios e medidas que devem ser tomadas para cortar custos na gestão pública. Na entrevista, também falou que o objetivo é diminuir a quantidade de secretarias existentes.

Na educação, afirmou que vai firmar parcerias com as prefeituras para construção de creches e melhorar os índices da educação, com foco na alfabetização na idade certa. Para estimular prefeitos, criará critérios e índices de melhoria no ensino-aprendizagem para condicionar o repasse de recursos do ICMS.

Sobre a Cagepa, afirmou que a empresa continuará pública, mas deixou claro que recorrerá recursos privados, por meio de parcerias com empresas, para conseguir investir em algumas áreas do saneamento e atingir a meta prevista pelo novo Marco Legal do Saneamento.

O candidato falou ainda sobre reforma dos estádios, construção e melhorias de hospitais do interior (veja todas a entrevista em vídeo abaixo)

Na campanha do segundo turno, Pedro Cunha Lima recebeu apoio do senador Veneziano Vital do Rêgo (MDB), que ficou em 4º lugar na disputa do primeiro turno, e de Sérgio Queiroz, que concorreu ao Senado Federal.

Com as alianças, Pedro prometeu incorporar algumas pautas de campanha dos aliados. De Veneziano, durante a entrevista, o candidato disse que vai incorporar a promessa de garantir merenda escolar o ano inteiro para os alunos. Além disso, acrescentou que vai ampliar os programas de combate à fome já existentes no estado.

Em relação ao combate à corrupção, Pedro Cunha Lima, se eleito, deve contar com a ajuda de Sérgio Queiroz para incorporar em cada secretaria uma estrutura própria de transparência.

No primeiro turno ele obteve 23,90% dos votos válidos e ficou na segunda colocação. Pedro disputa o segundo turno com João Azevêdo (PSB).

Deixe um comentário...